Judicialização da Saúde: Uma Boa Ideia?

Neste artigo o jornalista enfoca-se em descrever os maiores problemas que o Brasil deve enfrentar no futuro incluindo: necessidade de desenvolvimento tecnológico na área de medicina, o aumento no numero de idosos na população, o alto consumo de medicamentos, e a judicialização da saúde. Embora os problemas mencionados são um pouco ecléticos, todos podem ser ligados ao tema de saúde brasileira em geral. Lumena Furtado, a Secretaria de Atenção à Saúde (SAS), explicou quais são os objetivos principais da SAS e como o governo seguirá tentando corrigir obstáculos para o melhoramento de saúde no Brasil. Ainda que este artigo assinala a dedicação do governo aos temas de saúde, acho que neste momento se, e como, a judicialização da saúde é uma opção sustentável para o futuro é a pergunta crucial. Definitivamente há opiniões conflituosas sobre o sucesso do programa, mas pelo menos o governo esta tentando melhorar a saúde publica em geral.

This entry was posted in Ciência e Saúde. Bookmark the permalink.

1 Response to Judicialização da Saúde: Uma Boa Ideia?

  1. Xilebel Navarro says:

    Oi!
    Perguntou: Porque a judicialização é uma opção sustentável? De que aspeito? Não entendo muito bem sobre este conceito, mas o artigo diz que a judicialização esta obrigando a Brasil usar muito mas dinheiro do que é necessário. Como a judicialização obriga a cuidar de todas as doenças das pessoas, este significa que muitas pessoas estavam mas saudáveis. Mas a judicialização também precisa de bancar procedimentos e medicamentos que Brasil não tem. Sera que a judicialização da saúde vai causar uma devastação financeira ao país? Se é assim, então é uma decisão muito difícil.

Leave a Reply