O que significa ser “humano”?

Através de muitas descobertas arqueológicas ao longo de muitos anos, os cientistas determinaram que muitos antepassados para os humanos modernos têm existido ao longo da história. Segundo este artigo, recentemente, os cientistas da Universidade de Madison nos Estados Unidos descobriram os fósseis de quinze hominídeos na África do Sul durante uma escavação. A nova espécie de hominídeo é chamado pelo nome Homo naledi e os cientistas delinearam as semelhanças e diferenças entre as novas espécies e humanos modernos. Por exemplo, as mãos, os pulsos e os pés dos fósseis têm uma notável semelhança com ossos humanos, mas a menor circunferência craniana de Homo naledi está associada com a circunferência craniana de membros da família Australopithecus dos hominídeos.

Eu acho que é essencial para promover descobertas científicas, especialmente em áreas como arqueologia e antropologia, porque eles nos permitem traçar as origens do homem. Com a descoberta desta nova espécie, podemos começar a fazer perguntas mais profundas sobre as teorias evolucionistas e as particularidades do ser humano. No futuro, espero que os cientistas começem a explicar o que nos separa exatamente de nossos antepassados, como o Homo naledi.

This entry was posted in Ciência e Saúde. Bookmark the permalink.

1 Response to O que significa ser “humano”?

  1. Alexa Palomo says:

    Que descoberta magnífica! A tecnologia de nossa geração há ajudado muito o progresso de ciência especialmente na área antropológica. Mais e mais, fósseis estão sendo escavado, fazendo que a nossa visão do mundo muda. O único problema que eu tenho com esta descoberta é que eu acredito em Deus e Adam e Eva. Eu acredito na estória que Deus crio Adam, que em torno crio Eva, e eles reproduzirão , e que é a forma como os seres humanos vieram a ser. A minha religião combate muito com a minha crença né ciência. . Porque quando a evidência está exposto na minha cara, não tem como eu recusar os fatos. Fósseis foram descobertas, cimentando a crença de evolução. Ao centro ponto, eu acredito em evolução, mais por outro lado eu também acredito em a criação bíblica.

Leave a Reply